segunda-feira, 15 de março de 2010

Parabéns Petrópolis

Minha cidade querida parabéns pelos 167 anos de história, por ser um lugar acolhedor, lindo, bom de se viver. Parabéns porque apesar de muitos problemas Petrópolis continua a ser uma cidade espetacular.

Petrópolis é a nossa casa e sempre vamos defendê-la.

2 comentários:

  1. Julio Cesar dos Santos15 de março de 2010 15:36

    Caro Roberto (Magnífico hindu-libanês).
    Aproveitando o que você escreveu, sobre a nossa cidade, dizendo ser linda e espetacular, o que eu também concordo, te faço aqui um pedido, que inclusive já fiz pessoalmente quando nos encontramos no Itaú, para que seja chamada a atenção do responsável pela capina tão necessária realizada em nossas ruas. Na Estrada da Independência, quando esse serviço é posto em prática, a impressão que dá é que em toda a sua extensão houve um terremoto, uma guerra, tamanha a destruição desnecessária da vegetação na margem da estrada. A capina é extremamente exagerada, sem a menor preocupação com a estética, dando uma péssima impressão para todos os que por lá passam diariamente. Se o objetivo do serviço é o de melhorar a aparência da cidade, inclusive para os seus visitantes, o que acontece é justamente o contrário, pois os funcionários da COMDEP, munidos de foices e de outros instrumentos de corte, simplesmente vão, desordenadamente, cortando tudo o que encontram pela frente. A margem da estrada fica com um aspecto horrível! É bom ressaltar, ainda, que essa vegetação além de embelezar a estrada, não atrapalha em nada a passagem de pedestres ou de veículos. Agradeço desde já a sua atenção e te parabenizo pelos programas e, sobretudo, pelo Olhar Espírita. Viva Emmanuel! Um forte abraço.
    Julio Cesar

    ResponderExcluir
  2. Petro Pedra. Dura, inflexível, machuca, assim está sendo PORÉM gosto dessa Petrópolis.
    Minha cidade natal.
    Lembro de, quando criança, haver salgueiros às margens do rio em quase toda a cidade e isso dava um aspecto bonito .
    Lembro dos áureos tempos do Quitandinha- que você mostrou ontem.
    Não fosse o presidente Dutra...
    Cassinos, o jogo.
    Ninguém obriga ninguém a jogar e os brasileiros saem daqui prá jogarem nas fronteiras ou no jogo clandestino que não significa imposto nem mercado de trabalho.
    Meu avô era dono do posto Esso lá no Quitandinha e fornecia diesel para as caldeiras do hotel e por conta disso, nós os netos, tínhamos acesso a piscinas, parque, bailinhos, patinação no gelo, tudo que aquele lugar oferecia.
    Cavalinhos pangaré...muito bom.
    Mas, voltando aos salgueiros.
    Será que não se podia desafiar os bairros todos, tipo :
    -árvores nas calçadas valendo prêmio
    OU
    solicitar à PMP que fizesse praças arborizadas em cada bairro?
    Qualidade de vida começa nas coisas simples.
    Seria possível?
    Fiz minha parte. Plantei árvores embora já as tivesse um pouco.
    Escolas Municipais- arborizadas. Dá uma sensação boa e isso faz diferença sim!
    Meio ambiente começa na ecologia pessoal, a das casas dos cidadãos, das escolas, das comunidades.
    E a influência disso no (in)consciente coletivo é maior do que imaginamos.
    Tão simples.

    ResponderExcluir